Transtorno Depressivo Recorrente (F33)
CID 10

Transtorno caracterizado pela ocorrência repetida de episódios depressivos correspondentes à descrição de um episódio depressivo (F32.-) na ausência de todo antecedente de episódios independentes de exaltação de humor e de aumento de energia (mania). O transtorno pode, contudo, comportar breves episódios caracterizados por um ligeiro aumento de humor e da atividade(hipomania), sucedendo imediatamente a um episódio depressivo, e por vezes precipitados por um tratamento antidepressivo. As formas mais graves do transtorno depressivo recorrente (F33.2 e F33.3) apresentam numerosos pontos comuns com os conceitos anteriores da depressão maníaco-depressiva, melancolia, depressão vital e depressão endógena. O primeiro episódio pode ocorrer em qualquer idade, da infância à senilidade, sendo que o início pode ser agudo ou insidioso e a duração variável de algumas semanas a alguns meses. O risco de ocorrência de um episódio maníaco não pode jamais ser completamente descartado em um paciente com um transtorno depressivo recorrente, qualquer que seja o número de episódios depressivos apresentados. Em caso de ocorrência de um episódio maníaco, o diagnóstico deve ser alterado pelo de transtorno afetivo bipolar (F31.-).

 

Inclui:

 

episódios recorrentes de uma:

·    depressão

·    psicogênica

·    reativa

·    reação depressiva

transtorno depressivo sazonal

 

Exclui:

 

episódios depressivos recorrentes breves (F38.1)

 

F33.0 Transtorno depressivo recorrente, episódio atual leve

 

Transtorno caracterizado pela ocorrência repetida de episódios depressivos, sendo o episódio atual leve, tal como descrito em F32.0, na ausência de qualquer antecedente de mania.

 

F33.1 Transtorno depressivo recorrente, episódio atual moderado

 

Transtorno caracterizado pela ocorrência repetida de episódios depressivos, sendo o episódio atual de moderada gravidade, tal como descrito em F32.1, na ausência de qualquer antecedente de mania.

 

F33.2 Transtorno depressivo recorrente, episódio atual grave sem sintomas psicóticos

 

Transtorno caracterizado pela ocorrência repetida de episódios depressivos, sendo o episódio atual grave, sem sintomas psicóticos, tal como descrito em F32.2, na ausência de qualquer antecedente de mania.

 

Depressão sem sintomas psicóticos:

·    endógena

·    maior recorrente

·    vital recorrente

 

F33.3 Transtorno depressivo recorrente, episódio atual grave com sintomas psicóticos

 

Transtorno caracterizado pela ocorrência repetida de episódios depressivos, sendo o episódio atual grave, com sintomas psicóticos, tal como descrito em F32.3, na ausência de qualquer antecedente de mania.

 

Depressão endógena com sintomas psicóticos

Episódio recorrente grave (de):

·    depressão:

·    major com sintomas psicóticos

·    psicótica

·    psicose depressiva:

·    psicogênica

·    reativa

 

F33.4 Transtorno depressivo recorrente, atualmente em remissão

 

O paciente teve no passado dois ou mais transtornos depressivos como descritos acima (F33.0-F33.3) mas não apresenta atualmente nenhum sintoma depressivo e isto há vários meses.

 

F33.8 Outros transtornos depressivos recorrentes

 

F33.9 Transtorno depressivo recorrente sem especificação

 

Depressão unipolar SOE